Qual a melhor tinta e cor pro seu projeto de interior?

1 – ESCOLHENDO A TINTA

Um projeto novo de pintura é uma maneira rápida e barata de dar um ar novo a uma sala antiga ou de tornar sua casa mais valorizada para uma venda ou aluguel se você a colocar no mercado. Como entretanto escolher a tinta certa e as cores adequadas?
 

A tinta vem em uma variedade de brilhos, bem como em óleo ou látex. A tinta látex é o tipo de tinta mais comumente preferido, devido à sua facilidade de limpeza e durabilidade de longa duração. Também tende a ser mais resistente ao desbotamento e respira melhor que o óleo, resultando em menos bolhas da tinta. Eu recomendo usar uma tinta látex para a maioria das paredes e para uso doméstico. No entanto, a tinta à base de óleo é excelente para escorvar molduras e acabamentos de madeira reais, pois tende a selar manchas e nós da madeira melhor do que uma madeira com tinta látex. No entanto, leva mais tempo para secar do que uma tinta látex, portanto, planeje mais tempo de secagem. Pessoalmente, gosto de usar um primer de goma-laca à base de óleo na guarnição e, em seguida, opto por uma tinta látex como revestimento final. Existem várias marcas de qualidade no mercado e você é livre para escolher a sua.

2 – ESCOLHENDO A COR

Podíamos pensar que escolher a tinta  perfeita seria dificil e escolher a cor exata pro nosso projeto seria facil, mas na verdade e o contrário, a paleta de cores do seu projeto pode ter diversas inspirações que vão desde às tendências contenporâneas  até o nosso gosto pessoal mais esquisito.
 

 – Usando a Teoria das Cores (Color Theory) para montar seu projeto.

Você não precisa estudar a teoria das cores para obter ótimas idéias em uma pequena roda de cores doméstica. Existem aplicativos e ferramentas de cores bem  baratas podem gerar idéias de esquema de cores rapidamente.

Com um giro do volante, você pode ver como as cores podem se relacionar entre si e aprender o básico da teoria das cores. Embora você provavelmente não esteja pintando sua casa com as cores exatas que você vê no volante, você pode escolher tons dessas cores em sua loja de tintas favorita. É fácil usar uma roda de cores para criar um esquema de cores depois de aprender alguns conceitos fáceis. O Resultado dessa proximidade entre as cores você pode ver em projetos como esse:

altair pinturas roda de cores

Em geral, esquemas de cores análogos – cores próximas umas das outras na roda de cores, como azul e verde – são mais casuais e relaxantes, e funcionam melhor em espaços informais ou particulares. Esta é uma boa estratégia para um quarto, onde você deseja descansar e se recuperar, o efeito de escolher as cores com base na teoria ou roda das cores é sempre agradável, veja este outro projeto:
 
roda de cores teoria das cores

 – Qual cor devo escolher?


Se você estiver vendendo sua casa, recomendo que escolha uma cor branca ou esbranquiçada como a opção para paredes. Isso permitirá que o comprador cubra facilmente a parede com a sua escolha de cor e dará aos seus quartos uma aparência mais brilhante e limpa.

No entanto, você deve aproveitar ao máximo as centenas de seleções de tinta e folhetos da loja de tintas local e conversar com um vendedor sobre os vários esquemas de cores para a aparência desejada.

Você pode alterar a sensação de qualquer cômodo da sua casa com um pouco de planejamento e alguma cor, variando as tonalidades para uma certa aparência.

Uma boa regra é lembrar a roda de cores.

Todos aprendemos sobre as cores primárias na escola – vermelho, amarelo e azul.

Eles estão na roda de cores às 12:00, 4:00 e 8:00, respectivamente. A combinação de qualquer uma dessas opções fornecerá uma cor secundária (púrpura, laranja). As cores próximas umas das outras na roda de cores, como azul e roxo, são análogas e permitem que uma cor se destaque mais. As cores opostas na roda de cores, como verde e vermelho, são complementares entre si e se reproduzem muito bem. Permanecer na mesma tonalidade de cor (ou seja, verdes) dará a você uma aparência sutil e relaxante.

Pintar com cores frias, como azuis, verdes e roxos, faz com que os quartos pequenos pareçam maiores e mais arejados, enquanto cores como vermelhos, amarelos e laranjas darão ao ambiente uma aparência mais vibrante.

Você pode variar o calor, mesmo com um vermelho ou amarelo, escolhendo tons suaves dessas cores, como rosa, pêssego ou amarelo amanteigado.

Cores quentes têm cores frias como cores complementares, enquanto cores frias têm complementos quentes. As tonalidades são puras ou vibrantes, sem som (que são menos intensas que suas contrapartes vibrantes) ou sombreadas (as cores mais escuras no mesmo esquema de cores).

 
Essa foi a dica de hoje do Altair Pinturas, até a próxima pessoal!

Altair Pinturas Personalizadas
(11)9-5329-5140
https://altairpinturas.com.br/orcamento@altairpinturas.com.br