Tintas - Artigo Gerado Automaticamente

tintas quais usar

Descubra o tipo de tinta preexistente: para descobrir se a tinta preexistente é a base de óleo, encharque algodão com álcool e esfregue-o na parede. Se a tinta sair, ela é a base de látex, ou seja, ela é solúvel em água, garantindo facilidade de limpeza se respingar em locais não desejados.1

Foto: Reprodução/ Scraphacker 3. Misture tintas da mesma cor: se possível, mistura em recipiente tintas da mesma cor, mas de latas diferente antes de serem aplicadas à superfície escolhida. Pequenas alterações na tonalidade são possíveis em diferentes lotes de fabricação. 4. Acabe com o cheiro de tinta: para acabar com o cheiro strong suit e desagradável de tinta fresca, adicione duas ou três gotas de extrato de baunilha na lata de tinta.2

5. Encape a maçaneta: visando evitar sujar a maçaneta da porta, encape-a com papel alumínio. Ao término da pintura, basta desencapá-la e jogar o papel discussion forums. Esse procedimento simples evita respingos e manchas indesejadas. Foto: Reprodução/ Blog Site do Menor Preço 6. Proteja as áreas que você não deseja pintar: aplique vaselina nas áreas que você não deseja pintar, como, por exemplo, batente de portas e janelas ou rodapé.3

Outra opção é cobrir esses locais com fita adesiva. Foto: Reprodução/ Reforma e Reforma 7. Papelão é a melhor opção: plásticos demoram para secar, são grudentos e, assim como jornais, podem rasgar facilmente. A melhor opção para forrar a área a ser protegida é o papelão, sendo este um item de fácil acesso e rápida absorção.4

Escolha o dia em que a pintura será realizada: dias mais úmidos dificultam a secagem da tinta, atrasando a conclusão do projeto. Já dias muito secos ou quentes fazem com que a tinta não espalhe corretamente, causando manchas ao secar. 9. Prepare a superfície a ser pintada: se necessário, lixe ou limpe-a.5

10. Limpe o rolo de pintura: para garantir que a tinta seja distribuída uniformemente ao longo da parede, antes de utilizar o rolo de pintura, esfregue um rolo adesivo (daqueles que são utilizados para retirar pelos de roupas) por todo o rolo de pintura. Isto vai garantir que qualquer poeira ou fiapo de espuma sejam retirados antes da utilização do mesmo.6

Remova tinta seca dos pincéis: se você possui um pincel usado, com tinta já seca, não é necessário dispensá-lo. Para limpá-lo, basta mergulhá-lo em recipiente com vinagre, que a tinta antiga irá sair facilmente. 12. Evite se sujar com respingos de tinta: para que os respingos de tinta não deixem suas mãos sujas, pegue uma tampa bay de plástico e faça corte em seu centro.7

Foto: Reprodução/ Gif2Fly 13. Evite que a tinta seque e lacre a lata: é muito comum encontrar latas de tinta novas com a tampa bay lacrada devido an acúmulo de tinta seca ao seu redor. Para evitar que isso ocorra, basta fazer pequenos furos em toda a extensão do aro interno na tampa da lata.8

Make use of a ferramenta adequada: para áreas amplas, a melhor opção é o rolo de espuma. Já para pequenas áreas, como cantos e outras partes que rolo pode não alcançar, o excellent é utilizar um pincel para melhor acabamento. Foto: Reprodução/ Minha Casa Minha Cara 15. Não desperdice tinta: envolva a lata com elástico de borracha colocado na upright.9

16. Previna manchas de tinta seca: ao passar o rolo de pintura na tinta, não mergulhe-o diretamente na mesma, pois a espuma irá absorver tinta em excesso, encharcando-o e fixando-se em seu inside. Com o tempo, ao passar o rolo na superfície a ser pintada, a tinta seca irá aderir a ela, resultando em uma pintura com irregularidades.10

Foto: Reprodução/ Lovely Do It Yourself 17. Proteja sua bandeja de pintura: utilizando papel alumínio, envolva sua bandeja de pintura antes de começar a pintar. Assim, ao término do trabalho, retire-o e jogue fora. Resultado: bandeja como nova. 18. Utilize o padrão em zigue-zague: o momento que você aplica o rolo de pintura com a tinta na parede, é o momento em que há a maior concentração de tinta no mesmo.11

Foto: Reprodução/ Family Members Handy Man 19. “Corte” a pintura antes de retirar a fita de proteção: para não correr o risco de a tinta descascar ao retirar a fita adesiva de proteção, “corte” a pintura utilizando um estilete. Este procedimento irá garantir que somente a fita saia ao ser puxada, mantendo a pintura intacta.

Ir para postagem Rolo e Pincel.

 
 
 

Entre em contato com o Altair e dê mais detalhes sobre o seu projeto de pinturas